Seguidores

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Mais Gullar


Falar

A poesia é, de fato, o fruto
de um silêncio que sou eu, sois vós,
por isso tenho que baixar a voz
porque, se falo alto, não me escuto.
A poesia é, na verdade, uma
fala ao revés da fala,
como um silêncio que o poeta exuma
do pó, a voz que jaz embaixo
do falar e no falar se cala.
Por isso o poeta tem que falar baixo
baixo quase sem fala em suma
mesmo que não se ouça coisa alguma

******

Off price


Que a sorte me livre do mercado

e que me deixe

continuar fazendo (sem o saber)

fora de esquema

meu poema

inesperado

e que eu possa

cada vez mais desaprender

de pensar o pensado

e assim poder

reinventar o certo pelo errado
****
Esse é Ferreira Gullar. Poeta maranhense que ganhou o Prêmio Camões. Aqui vão mais dois poemas seus, para você Baby que não o conhecia.

5 comentários:

Zil Mar disse...

Oi....que preciosidade!!!!

Poemas lindos....eu já conheço...e amo!

bjos e bom inicio de semana com estes poemas que são coisas de DEUS!

Zil

Valéria Gomes disse...

Gostei dele.

Beijos de passarinho!!!

Baby disse...

Obrigada, minha querida, pela oferta destes dois belos poemas. Senti-me deveras lisongeada!
FALAR é um poema extraordinário, perfeito, que fala por cada um de nós.

"Por isso o poeta tem que falar baixo
baixo quase sem fala em suma
mesmo que não se ouça coisa alguma"

E o OFF PRICE?
É uma jóia, do princípio ao fim.
Mais uma vez obrigada, por me teres revelado este Poeta.

Um beijo.

Flor da Vida disse...

Lindos poemas... poeta de sentimentos profundos...
É o verdadeiro poeta!!! Obrigada por compartilhar
amiga! carinhos meus a ti... Bjsss

Vozes de Minha Alma disse...

Por isso o poeta tem que falar baixo, pois só a alma escuta!
Brilhante como sempre minha querida!
-Afinal, quem é aquela menina com carinha de sapeca atrás do poste???
É Maria Piedade??
Eu sabia! rsrs
Beijinhos de muita paz e luz, nossa poetisa!