Seguidores

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Para os meus cinquenta anos


Para os meus cinquenta anos

Tenho que dizer-lhes uma coisa
agora que vocês partiram para além das montanhas
deixando-me para trás com os meus sessenta e setenta, sem esperança de
que retornem.
Ei, vocês, que pareciam pontuar o fim da vida, quem jamais poderia
imaginar que vocês queimariam
com tanta lubricidade assim? finalizei em vocês
um ou dois assuntos pendentes há tempos. Vocês foram um tempo de plenitude
e devastação. Meu casamento havia terminado.
Em vocês eu me vi buscando uma saída que não fosse ao encontro da
não-existência.
Eu pensei:"tudo acabou". Vocês gritaram: "Estamos aqui!"
Vocês pareciam viajar até mim num fluxo, por conta própria, sem guia
ou horários de trens.
Como a flor da idade, eu os perdi. Vocês pareciam uma imperfeição
feita de perfeições
desconhecidas entre si. Como isso podia acontecer? eu pensava.
Ou o que deveria significar, exatamente, ter cinquenta e sete anos?
Eu queria me sentir tomado pelo desejo a todo instante.
Agora vocês me parecem jovens demais para mim.
E, com vocês, como das outras vezes,
eu pensei que um ano duraria para sempre.
"Fizemos o melhor possível. Resistimos dez anos completos.
Agora somos responsáveis pela década de outra pessoa
e não temos tempo para falar com você, o que é uma pena,
já que não poderemos mais voltar." Meus cinquenta anos! Responda-me
apenas uma coisa!
Vocês foram o esplendor ou não mais que mais uma década?
"Nenhum e os dois" .Expliquem-se! "Não
há tempo. Adeus!"
Kenneth Koch
*****
Esse maravilhoso poema aborda, de maneira maravilhosa,uma conversa ao pé do ouvido, entre o poeta e seus cinquenta anos.
Uma reflexão para quem já chegou lá ou para quem está prestes a chegar, por que não?

12 comentários:

Dora Regina disse...

Hummm amiga, estou quase conversando com os sessenta...Rsrsrsrs
Um grande abraço!
Bom fim de semana!!

Vieira Calado disse...

Já ouvi essa conversa há mais de vinte anos, sabe?

Agora que apenas ouvir o rumor do vento!...

Beijinhossss

✿ chica disse...

Linda reflexão e texto! Eu já passei 12 anos,rs beijos,chica

Glória Maria - Fadinha disse...

Piedade querida, que escolha maravilhosa para sua postagem. Muito lindo. Tenha um lindo sábado azul. Bjs

ELIANA-Coisas Boas da Vida disse...

AMIGA QUERIDA ANO QUE VEM 11 DE AGOSTO COMPLETO MEUS CINQUENTA ANOS SE DEUS QUISER!!KKKK
BEIJO BOM SÁBADO!

Lilá(s) disse...

Muito giro mesmo, vou copiar para guardar ok?
BJS

piedadevieira disse...

adorei esses comentários, eu também já passei,kkkkkk
Mas viva eles que foram muito bons.

Toninhobira disse...

Muito boa conversa Piedade, este sussurrar nos ouvidos, fazendo refletir cada passo, cada movimento que se soma.
Bom voltar e ler um belo texto.
Meu abraço Piedade.
Uma bela semana a voce.
Bju.

Aaliyahrj disse...

Que lindo, Piedade! Copiei no meu caderninho! Bjoks e boa semana!

ONG ALERTA disse...

Apenas alguns números em nossa vida, beijo Lisette.

Andradarte disse...

Onde é que isso já vai.....mas não digo mais,,não.
Já agora....e isso importa alguma coisa???...Eu
não me queixo ,não....
Beijo

Valéria Gomes disse...

Apenas o tempo fazendo graça, mas ao fim, feliz é aquele que viveu intensamente.

Boa semana!!!