Seguidores

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

primaveril

"Lentamente estão sendo tecidos os manacás roxos e brancos;
e a eufórbia se vai tornando pulquérrima,
em cada coroa vermelha que desdobra.
E flores agrestes acordam com suas roupas de chita multicor.
Tudo isso para brilhar um instante, apenas, para ser lançado ao vento,
- por fidelidade à obscura semente, ao que vem, na rotação da eternidade."
Cecília Meireles

7 comentários:

✿ chica disse...

Lindo sempre!Belas escolhas!beijos,tudo de bom,chica

Bel Rech disse...

Tudo é primaveril nesta época, quando está tudo multicolorido...
Ótimo findi!
Paz e bem

Lilá(s) disse...

Fico-me pelo meu Outono...
Bjs

Gina disse...

Esse manacá já esteve no Naco, é flor muito presente nas minhas redondezas. E tem o outro manacá também, o roxo, que anda dando o ar da sua graça por todo lado.
Boa semana, Piedade!

Sonhadora disse...

Minha querida

Lindo este poema de Cecília que adorei e deixo um beijinho com carinho.

Sonhadora

Antônio Lídio Gomes disse...

Minha querida Piedade Vieira.
Enfim, ufa! Consegui vir para deixar meu cementário. Esse Blogger mais o Explorer estão meio que sem sintonia...
Espero que agora dê certo a mudança que fiz para outro navegador.

Mas venho retribuir tuas palavras, deixando aqui um fraterno e afetuoso abraço, deste amigo que não te esquece.
Postei no próprio Vozes, o comentário de um post seu anterior.
Deixo um beijo grande, e minha estima.

Toninhobira disse...

Um Show este olhar da Cecilia.LIndo demais com cores e perfumes.
Um abraço amiga como uma criança feliz.
Bju.