Seguidores

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Ando devagar






















"Ando devagar porque já tive pressa", mas levo comigo, sempre esse sorriso, porque já chorei bastante. Chorei, não somente derramando lágrimas, mas chorei por dentro, senti profundamente ao ver tantas injustiças, de passar por situações desagradáveis, de ver o ser humano se aproveitando das desgraças alheias, das invejas, do ódio e das humilhações. No meu canto, calada, observei como as pessoas agem, acredito eu às vezes até inconscientemente, ultrapassando os direitos de ir e vir sem medir consequências, apenas pelo bel-prazer ou para dizer para si mesmo e para os outros que é o melhor. Quanta ilusão, se a vida é para ser vivida da melhor maneira possível, cada um do seu jeito ou da sua maneira com a parte que lhe couber!Cabe a nós, sim, multiplicar ou dividir, somar ou diminuir de acordo com nossos dons, nossa criatividade, sem entrar no terreno do vizinho e furtar as laranjas do seu pomar porque são mais doces do que as nossas.
Ando devagar, sim, mas consigo chegar ao alvo. E meu alvo é muito simples: é ser feliz. E ser feliz é muito caro às vezes, nem sempre conseguimos pagar o preço de tamanha felicidade. No entanto, não é louvável usurpar dos outros ou invejar ao ponto de destruir. Costumo dizer que não podemos desistir facilmente dos nossos sonhos, mesmo quando são grandes as barreiras ou quando não acontecem no momento exato que esperamos. Um dia, com certeza, vão chegar e aí nossa felicidade será alcançada.
Ter pressa nem sempre é uma boa, já dizia minha mãe que o apressado come cru e nem espera a sobremesa. É uma atitude dos mais jovens que desejam mostrar vitalidade e terminar mais cedo para passar para próxima, mas não sai perfeito muitas das vezes, e há de se fazer de novo. É, eu também já fui apressadinha, hoje penso mais antes de fazer e se não der agora fica pra depois.
Agora, o sorriso é fundamental, não é preciso gargalhar, o que é bem gostoso, mas sorrir faz bem para a alma e principalmente para o corpo. O sorriso é a maquiagem perfeita para toda mulher. Nem precisa de batom, rímel ou cílios postiços, o sorriso formoseia o olhar e o espírito. A pele brilha, não há quem não observe e admire! Chama para ver. A beleza salta aos olhos, contagia.
Isso tudo para mim é ser feliz... então pra que correr?

2 comentários:

Andréa Amaral disse...

Maravilhoso minha amiga. Esta reflexão só poderia mesmo ter vindo de você. Foi o que mais gostei até agora. Um beijão e bom fim de semana.

maria disse...

Gostei muito de vir aqui, voltarei concerteza.
Um beijo e bom fim de semana
MARIA